Comparação de alojamento WordPress 2021: O que mostram os nossos mais de 250 testes de velocidade de site?

20 min.
Comparação de alojamentos WordPress 2020

Hosts de web genéricos, alojamento WordPress ou alojamento gerido - o que precisas de ter em atenção? Na nossa comparação de alojamento WordPress 2021 temos dicas sobre tópicos importantes como o desempenho WordPress, segurança e suporte, e mostramos-te o que realmente importa quando se trata de alojamento WordPress!

Comparação de alojamento WordPress com base em critérios significativos - como funciona?

Para a comparação, analisámos mais de perto os seguintes fornecedores:

Também avaliámos os seguintes fornecedores de alojamento mais pequenos:

Se olhares para várias comparações de alojamento, os seguintes critérios são frequentemente usados para uma comparação:

  • Preço
  • Número de bases de dados
  • Número de contas de e-mail
  • Número de GB de espaço de armazenamento
  • Limite de memória PHP

Estes critérios podem ser fantasticamente comparados e apresentados numa tabela. Muitos fornecedores tiram proveito disto e e não perdem a oportunidade de reduzir as taxas básicas mensais através de publicidade "isco" e taxas de instalação para processos automatizados. Ofertas com 100 GB e 1.000 contas de e-mail e bancos de dados não são invulgares.

A grande maioria acaba por escolher duas empresas

Infelizmente, a grande maioria de pequenos e médios clientes (PMEs) cai neste tipo de comparação, razão pela qual o início do alojamento WordPress começa muitas vezes com hosts genéricos como o STRATO ou 1&1. Estas duas marcas do grupo United Internet alojam, consequentemente, 60% de todos os sites WordPress.

A seguir está GoDaddy, com as suas marcas Host Europe, DomainFactory e ManageWP , com uma quota de mercado estimada em 30%. O mercado restante é partilhado por fornecedores mais pequenos.

Não te preocupes com o espaço de armazenamento e bases de dados

Para instalar WordPress são precisos 50 MB. Muitas vezes 2 GB são suficientes para uma instalação de WordPress. Mesmo bloguess maiores com, por vezes, 1.500 artigos, só precisam de 1,5 GB. Apenas 3% dos nossos clientes precisam de mais de 5 GB de espaço de armazenamento.

O próprio WordPress tem exatamente uma base de dados! Só em casos excecionais pode acontecer que uma base de dados adicional seja necessária para outra aplicação independente de WordPress. E o mesmo se aplica às caixas de entrada de e-mail: Regra geral, uma pessoa na empresa não tem mais do que duas caixas de e-mail.

Em todas as ofertas analisadas, o número de bases de dados, caixas de e-mail e espaço de armazenamento é absolutamente suficiente. Por isso, podes riscar estes critérios da tua comparação.

Limite de memória RAM e PHP como um critério útil

Além do preço, o único critério significativo na minha lista acima é, na verdade, o limite de memória PHP. Aqui, é definitivamente necessário um limite de 128 MB de memória PHP. Para instalações de WooCommerce deve ser de 256 MB. O limite de memória PHP descreve a memória máxima utilizável por pedido para o servidor. Quanto mais plugins e quanto maior for o seu consumo de memória, mais o limite de memória PHP precisa de ser ajustado para cima. Mas tem cuidado: aumentar simplesmente o valor não é garantia de um site estável!

Critérios úteis para uma comparação

Do nosso ponto de vista, uma comparação de alojamento WordPress deve ser realizada com base nos seguintes critérios:

  1. Preço
  2. Desempenho
  3. Economia de tempo
  4. Segurança
  5. Suporte

É certo que estes critérios são, por vezes, difíceis de compreender. Isto é especialmente verdade para leigos/as que "só" usam WordPress e não são técnicos/as. Esta é exatamente a razão pela qual as comparações do hoster WordPress fornecem, na melhor das hipóteses, uma avaliação subjetiva do desempenho. As medições concretas de desempenho são, infelizmente, uma raridade.

Comparação de alojamento WordPress 2021: O que mostram os nossos mais de 250 testes de velocidade de site?

Comparação de alojamento WordPress: Preço

Como surgem os preços de alojamento

Naturalmente, o preço deve desempenhar um papel na escolha de um fornecedor. No entanto, apenas no mercado de alojamento, entre os profissionais do WordPress, se sabe como o preço surge.

O seguinte exemplo de cálculo torna claro o princípio universal no alojamento. Para isto, só é necessário o custo de um servidor, dos seus núcleos de CPU e do número de sites.

Como são criados os preços do alojamento
Preços baixos = baixo desempenho

Exemplo 1 de alojamento - Preços baixos

  • Custos por mês para um servidor = 350 €
  • Número de núcleos de CPU no servidor = 24
  • Sites no servidor = 500
  • Custo por site: 350 € / 500 sites = 70 cêntimos por site
  • Potência de CPU por site: 24 núcleos / 500 sites = 4,8% de um núcleo de CPU

Resultado: O preço de alojamento é barato. No mercado de alojamento, o alvo é uma margem de 10%. O preço líquido do alojamento seria, portanto, de 7 euros. Para que se chegasse a um preço de 3,50 euros, seriam adicionados ao servidor mais 500 sites.

Exemplo 2 de alojamento - Duplo desempenho

  • Custos por mês para um servidor = 350 €
  • Número de núcleos de CPU no servidor = 24
  • Apenas metade dos sites no servidor = 250
  • Custo por site: 350 € / 250 sites = 1,40€ por site
  • Potência de CPU por site: 24 núcleos / 250 sites = 9,6% de um núcleo de CPU

Resultado: O desempenho por site duplicou, mas os custos também. Por outro lado, os custos podem ser reduzidos para metade muito facilmente. Ao mesmo tempo, porém, o desempenho é reduzido para metade!

Exemplo de alojamento 3 - Sites ilimitados

Como se parece o nosso exemplo se os/as clientes podem fazer o upload de um número de sites ilimitados no seu alojamento? Assumimos que em média "apenas" dois sites são operados num pacote de alojamento.

  • Custos por mês para um servidor = 350 €
  • Número de núcleos de CPU no servidor = 24
  • O dobro do número de sites no servidor = 1.000
  • Custo por pacote: 350 € / 1000 sites = 35 cêntimos por pacote
  • Energia da CPU por site: 24 núcleos / 1.000 sites = 2,4% de um núcleo de CPU

Resultado: Cada site tem apenas metade da potência da CPU, que já era baixa.

Exemplo 4 de alojamento - Desempenho Máximo

  • Custos por mês para um servidor = 350 €
  • Número de núcleos de CPU no servidor = 24
  • Sites no servidor = 72
  • Custo por pacote: 350 € / 72 sites = 4,90 € por pacote
  • Energia da CPU por site: 24 núcleos / 72 sites = 33% de um núcleo de CPU

Resultado: Cada site tem quase sete vezes mais poder de processamento disponível em comparação com o exemplo 1 de baixo custo!

"No final, o desempenho de um site dinâmico depende da quantidade de CPU e RAM disponível.

Apenas muito poucos fornecedores de alojamento WordPress são transparentes

Este princípio universal é também a razão pela qual a RAIDBOXES ainda é significativamente mais rápida que a 1&1, embora certos elementos, como o NGINX em vez do Apache Server, já tenham sido copiados.

Na RAIDBOXES , a partir da tarifa STARTER tens os recursos garantidos de um núcleo de CPU e 2 GB de RAM. Não menos importante, os profissionais de WordPress chegam à conclusão de que a oferta é barata e justa. Quem for leigo em matéria de alojamento muitas vezes não compreende isto, porque não consegue estimar o desempenho oferecido.

Elogio ao ALL-INKL

De acordo com a nossa pesquisa, existe apenas um fornecedor na Alemanha que comunica isto de forma transparente: ALL-INKL. Aqui começa-se no pacote mais pequeno com 99 outros/as clientes num servidor - no pacote maior com outros/as 29 clientes.

Uma vez que os/as clientes podem executar lá até 100 sites num pacote, a relação exata entre a capacidade do servidor e os sites não é, no entanto, clara. Contudo, outros fornecedores podem seguir o exemplo, uma vez que a distribuição não é mencionada por nenhum outro fornecedor. Não é invulgar que até a memória seja completamente ocultada.

Qual é o preço certo para o meu alojamento WordPress?

Basicamente, esta pergunta não pode ser respondida de forma generalizada. Nos Estados Unidos, por exemplo, o preço médio do alojamento WordPress é de 30 dólares (líquidos) por mês. Especialmente os portugueses são bastante sensíveis aos preços.

Exatamente por este motivo, o lema geral do fornecedor é: "É melhor muitos sites num único servidor e um preço mais barato por ele". Os preços começam, portanto, geralmente a partir de 3 euros (líquidos).

300 € por um site WordPress - Como é possível?

Agora, como é que muitas empresas também pagam 300 € (líquidos) por um único site WordPress? Isto está relacionado, por exemplo, com o valor comercial de um site. Uma grande loja WooCommerce com 100 pedidos por hora quer a potência máxima, porque dez pedidos a menos por hora pode também significar uns bons 300 € a menos de receita líquida por hora(!).

Por outro lado, os amigos e conhecidos de um blogue de viagens privado perdoarão se as fotos demorarem quase 10 segundos a carregar. Aqui, o desempenho tem um papel bastante acessório, uma vez que isto não é acompanhado por perdas económicas.

Qual é o canal de marketing mais importante para uma empresa?

As pequenas e médias empresas devem estar especialmente conscientes de que o seu site é o canal de marketing mais importante da atualidade. Mesmo um pedido a menos por ano devido ao longo tempo de carregamento pode significar para ti, enquanto empresário, uma perda de várias centenas de euros.

Poupar 20 euros por mês apenas para ter um alojamento mais barato é quase uma negligência empresarial, especialmente se já investiste pelo menos 2.000 euros no desenvolvimento ou no novo design do site.

O nosso preço recomendado

Na nossa opinião, é razoável estimar os seguintes preços líquidos para alojar o teu site WordPress:

Informações detalhadas para operadores/as de lojas podem ser encontradas no nosso artigo de blog sobre o alojamento WooCommerce. Todos os nossos artigos sobre o tema WooCommerce podem ser encontrados aqui.

Esta recomendação de preço não se baseia apenas na potência do processador, mas também no suporte, que mostrarei mais tarde.

Com a maioria dos fornecedores, o preço de uma oferta WordPress "otimizada" termina nos 20 euros, no máximo. Se queres mais desempenho, tens de optar por uma oferta de Cloud vServer ou servidores dedicados.

Comparação de alojamento WordPress 2021: O que mostram os nossos mais de 250 testes de velocidade de site?

Comparação de alojamento WordPress

Como mencionado acima, as razões para tempos de carregamento rápidos são simples. Provavelmente estarás a perder vendas se o teu site for muito lento. Isto não só dá à sua empresa uma má primeira impressão, como também é um dos factores de ranking para o Google.

Dois segundos de tempo de carregamento em vez da pontuação no Google PageSpeed

Não deixa que a pontuação do Google PageSpeed Insights te ponha maluco. Só deves usar esta pontuação para descobrir o potencial de otimização. É muito mais importante verificar e otimizar o tempo real de carregamento do teu site. Basicamente, deves apontar para um tempo de carregamento de dois segundos - menos é melhor, claro.

TTFB como critério para uma comparação de desempenho

Para a avaliação do desempenho do alojamento, o chamado Time To First Byte (TTFB) é um dos melhores critérios de avaliação. Aqui o tempo é medido em milissegundos desde a primeira solicitação do utilizador até a primeira resposta do servidor. Outros fatores importantes, como a programação de temas, são deixados de lado por enquanto.

Importante: O número, qualidade e tamanho dos teus plugins também pode impulsionar o TTFB. Como tal, se executares o mesmo site em dois servidores, o TTFB é significativa para o servidor.

O utilizador está interessado no tempo total de carregamento

Embora o TTFB seja significativo para o servidor, isso não é muito importante para os/as visitantes do teu site. A eles e elas interessa-lhes saber quando podem interagir com o site ou quando vêem algo do site. Na melhor das hipóteses, todo o conteúdo do teu site é exibido em menos de um segundo.

Há dois valores que são importantes aqui:

  1. Tempo de carregamento - First View (primeira visualização): Mostra-te o tempo de carregamento dos/as visitantes que visitam o teu site pela primeira vez.
  2. Tempo de carregamento - Repeat View (segunda visualização): Mostra-te o tempo de carregamento dos/as visitantes que visitam o teu site pela segunda vez.

Os valores diferem significativamente, porque os navegadores, servidores ou plugins podem armazenar o teu site na cache. As páginas chamadas são então carregadas diretamente da cache e já não do próprio servidor.

Comparar o alojamento WordPress - mas de forma correta!

Como medir corretamente o tempo de carregamento

Por exemplo, se quiseres saber se a RAIDBOXES torna a tua página mais rápida, o procedimento correto é o seguinte:

  1. Deixa o nosso serviço de migração migrar o teu site WordPress de forma gratuita. Depois podes-nos testar gratuitamente e sem compromisso. O site movido é então uma "cópia exata" do teu site atual num subdomínio da RAIDBOXES, por exemplo: "xyz.myraidbox.com".
  2. Agora digitas o teu endereço atual em Webpagetest.org e numa segunda janela do navegador o subdomínio RAIDBOXES. Neste exemplo, o "xyz.myraidbox.com" acima mencionado.
  3. Compara os valores TTFB, First View e Repeat View, de preferência de forma relativa. As cores dos semáforos no canto superior direito mostram-te um potencial de melhoria. Se estiveres satisfeito, basta ligares o teu domínio com o alojamento e já está feito.

Se queres que seja muito simples:

Podes simplesmente digitar o seguinte no nosso formulário de migração: "Por favor, comparar o desempenho". Então, nós faremos os passos 2-3 por ti e dar-te-emos a tua avaliação após a migração.

Para o passo 1 precisas de um total de cinco minutos e os dados para o teu login do WordPress.

Procedimento alternativo para testes de desempenho

Teoricamente, podes fazer o mesmo com qualquer outro fornecedor de alojamento WordPress. Infelizmente, isto é muito mais complicado de um modo geral:

  1. Migrar tu próprio o site com um plugin ou manualmente. Aqui nós recomendamos Migrate Guru. Lá, podes migrar o teu site com SFTP para qualquer host.
  2. Medir o site atual e anotar os valores
  3. Permitir a migração completa do site com domínio, provavelmente com um tempo de inatividade um pouco mais longo
  4. Testar o novo site
  5. Reverter tudo, caso não estejas satisfeito, e exigir dinheiro de volta. Felizmente, cada fornecedor oferece uma garantia de devolução do dinheiro.

Como este processo é tão difícil, nenhum host conhecido tem medo de dizer "aos quatro ventos" que o seu alojamento é rápido e seguro. Acreditamos que quando se trata de desempenho, não são as meras afirmações que devem contar, mas apenas os valores reais. Infelizmente, só os podes obter medindo e comparando corretamente, o que consome bastante tempo, dependendo do número de fornecedores testados.

"A melhor comparação de desempenho é experimentares tu mesmo o novo fornecedor."

A nossa comparação de desempenho em mais de 250 testes de velocidade

Não consideraríamos a RAIDBOXES o host WordPress mais rápido em Portugal se não o tivéssemos medido nós mesmos.

A nossa abordagem ao comparar o desempenho de diferentes fornecedores de alojamento

No ano passado, fizemos, no total, uma comparação do antes e depois em mais de 250 migrações, exatamente como anteriormente descrito. Para a comparação utilizámos o tempo Document-Complete da First-View (primeira visualização).

Os resultados mostram o que se pode esperar de uma migração para um host especializado em WordPress.

Eles são uma secção transversal dos seguintes elementos:

  • Diferentes pacotes
  • Diferentes sites
  • Número diferente de migrações por fornecedor

Outra abordagem seria instalar diferentes tipos de sites em todos os sites fornecedores, em diferentes pacotes de preços e medí-los várias vezes, o que consumiria muito tempo. Podes encontrar um teste de desempenho muito detalhado de vários hosts WordPress (incluindo a RAIDBOXES) em WordPress Hosting Performance Benchmark por Review Signal.

Comparação de desempenho do alojamento WordPress - Testes de velocidade de site

Hosts testados com a oferta WordPressNúmero de medições de desempenhoMelhoria média do desempenhoMaior melhoria de desempenhoMelhoria mais baixa de desempenho
STRATO37124%1764%0%
1&13250%482%0%
DomainFactory2366%234%8%
Host Europe1446%161%2%
Webgo442%81%5%
ALL-INKL2335%337%-4%
Mittwald631%104%15%
United Domains778%189%25%
Cloudflare833%135%2%
Outros8474%963%-1%
A comparação tem como referência o nosso alojamento WordPress da RAIDBOXES.


Interpretação dos resultados

100% de melhoria de desempenho = redução pela metade do tempo de carregamento com a RAIDBOXES

Para um site que carrega em 10 segundos antes da migração e 5 segundos depois da mesma, a melhoria da velocidade é de 100 por cento. Os resultados dos maiores hosts são os mais significativos, uma vez que o número de migrações é comparativamente maior.

Além disso, os valores mínimos e máximos são indicados na representação. O que os valores aqui deixam claro é que uma melhoria de desempenho tem sempre a ver com o próprio site. Para certos sites, uma mudança de servidor é útil, mas também pode haver casos em que a melhoria de desempenho é bastante pequena.

Muitas vezes, o TTFB é três vezes melhor, mas o melhor servidor ainda não tem tanto efeito sobre a velocidade geral. Neste caso, só ajuda a tratar da otimização do site. Pelo menos excluis o servidor lento como a causa do problema de desempenho. Portanto, a afirmação permanece:

"A melhor comparação de desempenho é experimentares tu mesmo o novo fornecedor."

Estudos de caso de clientes satisfeitos/as

Felizmente, em tempos de redes sociais, são cada vez mais os fornecedores que também conseguem cumprir as suas promessas. Portanto, aqui estão alguns exemplos de clientes que fizeram e publicaram uma comparação de desempenho durante as suas migrações. Muitos clientes satisfeitos recomendam a RAIDBOXES por convicção e participam do nosso programa de afiliados para receber comissões pelas suas recomendações.

Os seguintes fornecedores também viram melhorias de desempenho recentemente com pelo menos o dobro do tempo de carregamento: Host Europe, DomainFactory, Siteground, 1&1 e Amazon Web Services (AWS).

Como mostra o exemplo da WP Engine, o desempenho dos especialistas em WordPress é muito semelhante em comparação. Como Michelle von HootProof descreve muito bem, podes-te concentrar noutras características de comparação.

Comparação de alojamento WordPress - Otimização contínua

A internet é extremamente rápida. Novas tecnologias estão em constante desenvolvimento, algumas das quais aceleram drasticamente a internet. Somente nos últimos dois anos, avanços técnicos como o PHP 7 (em breve o PHP 8), HTTP2, Brotli ou compactação GZIP, OPCache ou processadores mais recentes expandiram as possibilidades de otimização de desempenho.

Muitas vezes estas tecnologias são acompanhadas por uma melhoria de 10 a 30% no desempenho, às vezes até mesmo uma duplicação do desempenho!

Existem diferenças tecnológicas de 1,5 anos entre fornecedores

Aqui é importante ter um fornecedor que avalie todas as tecnologias e as integre nos seus sistemas para se beneficiar dos desenvolvimentos tecnológicos a longo prazo. Basicamente, estas inovações tecnológicas acabarão por se estabelecer em todo o mercado. A questão é apenas se o fornecedor é pró-ativo ou retardatário. Isto, muitas vezes, faz uma diferença de tempo de 1,5 anos.

Na nossa comparação dos diferentes fornecedores, é notável que 1&1, Timme Hosting e Host Europe são os únicos fornecedores que contam com o servidor NGINX mais rápido. A compactação Brotli, em particular, ainda não foi explicitamente implementada por nenhum fornecedor.

"Inovação mundial!" - discos rígidos SSD

O melhor exemplo disto são os discos rígidos SSD. Estes tornaram-se standard e têm sido utilizados pela RAIDBOXES desde o início. Ainda hoje, há inúmeros fornecedores que anunciam isto como novidade e algo inovador.

Comparação de alojamento WordPress 2021: O que mostram os nossos mais de 250 testes de velocidade de site?

Comparação de alojamento WordPress: Economia de tempo

Este critério também não está listado em nenhuma comparação de alojamento. A rigor, é ainda mais difícil de medir do que o critério "desempenho". Assim, revela-se muito simples:

Uma hora de tempo economizado na gestão do site significa para

Trabalhador/a independente:

  • Mais 1 hora de tempo livre, por exemplo, com os filhos, passatempos, etc.
  • 1 hora ganha para tratar dos verdadeiros negócios

Empresas com menor capacidade:

  • 1 hora corresponde a pelo menos 30 € de custos laborais diretos economizados

Empresas de serviços com grande capacidade:

  • 1 hora corresponde normalmente a pelo menos 60 € de salário por hora, que não pode ser faturado

Na RAIDBOXES temos alguns clientes que alojam mais de 150 sites connosco e até mesmo economizam um administrador de sistemas por 5.000 € por mês.

O tempo é muitas vezes negligenciado nas considerações e só é incluído quando se tem um ano de "despesas de tempo" atrás de si. Este gasto de tempo torna-se particularmente claro quando se trabalha como web designer ou desenvolvedor/a com um servidor raiz e se tem aqui de realizar atualizações do sistema. O alojamento gerido e as respetivas funcionalidades podem ser aqui um grande alívio.

Comparação de alojamento - Funcionalidades que poupam tempo

Aqui estão listadas algumas funcionalidades que poupam tempo na gestão do site. A estimativa de tempo depende do nível de experiência do respetivo utilizador ou utilizadora. Utilizadores/as inexperientes têm de, dependendo de cada caso, experimentar três plugins primeiro, testá-los durante algum tempo e substitui-los até a solução ser realmente cem por cento fiável e eficiente.

Migração do site: 0,75 - 6 horas

Se uma mudança de host estiver pendente, este é o período de tempo inicial que surge. Para web designers e agências, copiar e importar para um ambiente de desenvolvimento está muitas vezes predefinido.

Economia de tempo estimada: Muito poucos fornecedores suportam este gasto de tempo. Dependendo do site, pode levar apenas três quartos de hora para processos de migração conhecidos. No entanto, também não é raro uma migração demorar seis horas no caso de problemas técnicos.

Backups: 0,5 - 4 horas por site

Esta funcionalidade pode também estar segura, pois é uma das funcionalidades mais importantes aqui. Uma coisa é clara: nenhum site WordPress deve ser alojado sem backups. Isto pode ser feito através do fornecedor de alojamento ou através de um plugin. Explicamos aqui as vantagens de um sistema de backup no host.

Importante: Um backup não deve apenas fazer assegurar a base de dados, mas o site completo! Ao mesmo tempo, é importante que os backups possam ser restaurados através da própria interface do utilizador.

Enquanto três quartos dos fornecedores declaram que fazem backups, não é claro quanto tempo estes são mantidos e como podem ser restaurados. Na Mittwald, por exemplo, isto está sujeito a uma taxa de 50 €.

Economia de tempo estimada: O número de horas economizadas depende do facto dos/as utlizadores/as saberem e conseguirem configurar sistemas de backup e dos problemas poderem ocorrer ao longo do tempo.

Cache integrade: 0,5 - 4 horas por site

Esta funcionalidade é essencial quando se trata de otimizar a velocidade de carregamento do teu site. Quem não usar a cache, arrisca-se a perder a redução do tempo de carregamento para metade. Há uma variedade de plugins que pode ser aqui usada. No entanto, dependendo do plugin, estes também têm de ser comprados e depois mantidos.

Especialistas em WordPress já integraram, por isso, a cache. Não é necessário instalar e configurar plugins . Todos os parâmetros já estão adaptados para WordPress ou WooCommerce e são continuamente mantidos e reconfigurados.

Economia de tempo estimada: O número de horas economizadas depende do facto dos/as utilizadores/as saberem e conseguirem configurar sistemas de cache e dos problemas poderem ocorrer ao longo do tempo.

Atualizações de segurança geridas do WordPress: 1 - 4 horas por site por ano

O WordPress faz atualizações de segurança com intervalos muito regulares. É feita uma distinção entre as chamadas pequenas atualizações e as atualizações principais.

Pequenas atualizações são "pequenos updates" que, no entanto, são muito importantes porque muitas vezes fecham falhas de segurança ou corrigem pequenos bugs. Isto refere-se, por exemplo, a um salto de versão de 5.3.1 para 5.3.2.

As principais atualizações podem causar mais problemas em determinadas circunstâncias. Aqui os fabricantes de plugins têm de adaptar bastante os seus plugins e testá-los pelo menos com a nova versão. Isto significa, por exemplo, um salto de versão de WordPress 5.5. para WordPress 5.6.

Por esta razão, é recomendado esperar um pouco pelas principais atualizações. Muitas vezes, pouco tempo depois de um salto da versão principal, é lavçada a próxima atualização menor, por exemplo 5.6.1, que já contém a correção para uma lacuna de segurança que ocorreu com a versão principal.

Economia de tempo estimada: A realização de updates de segurança é obtigatória. Embora pequenos lançamentos possam ser feitos rapidamente, possivelmente quatro vezes por ano, grandes lançamentos requerem mais atenção e tempo. Estes ocorrem cerca de uma ou duas vezes por ano.

Atualizações geridas de plugins: 2 - 8 horas por site e ano

Uma das lacunas de segurança mais comuns quando se utiliza WordPress tem a ver com os plugins que não foram atualizados. Um site WordPress pode ter de 5 a 120 plugins instalados. Uma média estimada de milhares de sites é de 25 plugins. O que é válido para as atualizações de segurança do próprio WordPress é também válido para os plugins. Também os fabricantes de plugins resolvem lacunas de segurança que ocorrem frequentemente, ou melhoram continuamente o seu produto.

Nem todas as atualizações de plugins resolvem uma lacuna de segurança. No entanto, em geral, os plugins devem ser mantidos atualizado. A melhor maneira de fazer isto é da seguinte forma:

  1. Verificar plugins nas atualizações
  2. Criar backups
  3. Atualizar plugins
  4. Controlar o site
  5. Importar backup em caso de problemas

Na nossa tarifa Fully-Managed, isto acontece automaticamente para todos os 55.000 plugins, desde que um código de licença seja armazenado. Basicamente, uma gestão integrada de plugins, onde todos os plugins podem ser atualizadom com dois cliques, economiza muito tempo, especialmente se os backups já foram feitos automaticamente todas as noites.

Economia de tempo estimada: Para aqueles que querem assumir o risco de malware, não atualizam os seus plugins e não têm que gastar tempo. Para todos os outros, depende do tipo de plugins e do número de plugins.

Staging para mudanças em plugins e temas: 0,5 - 3 horas por ação

Qualquer pessoa que utilize seriamente o seu site para fins de marketing ou atividades comerciais, faz alterações com mais frequência. Esta pode ser a nova ferramenta da Landingpage (página de destino), um novo plugin de evento ou a substituição de um plugin de slideshow. Para não colocar em risco a página ao vivo e não apresentar um slideshow defeituoso aos/às visitantes, as alterações devem ser testadas primeiro num ambiente de desenvolvimento.

Para fazer isto, copias o site para outro alojamento, fazes as tuas alterações e depois tentas transferir as alterações para o site principal sem complicações. Como este é um processo bastante complexo, não há como contornar o uso de plugins especiais. Os especialistas em alojamento WordPress oferecem um ambiente de staging a este respeito.

Economia de tempo estimada: Isto depende da forma intensiva com que trabalhas com o teu site. A economia de tempo pode chegar a umas boas três horas com um risco significativamente menor de destruição de algo na página ao vivo.

Configuração SSL: 0,4 - 3 horas por site

Para dizer à partida: Os certificados SSL validados por domínio já não devem custar nada hoje em dia! Com a Let’s Encrypt Initiative, jogadores globais como o Google proclamaram corretamente a era da internet criptografada.

Enquanto isso, o Google Chrome não só marca sites que utilizam SSL como verde com "Seguro", mas dá agora o próximo passo para marcar sites que não utilizam SSL como "Não Seguro".

O SSL não só deve ser incluído gratuitamente no alojamento, como também deve poder ser configurado rapidamente. No WordPress, não só o SSL deve ser instalado no servidor, mas também o reencaminhamento interno, bem como deve ser realizada uma pesquisa e substituição no site para realmente configurar o SSL totalmente. Na RAIDBOXES isto é completamente automatizado com um clique.

Economia de tempo estimada: Os profissionais podem configurar o SSL em 20 minutos porque conhecem o processo de dentro para fora. Para principiantes, pode certamente levar três horas por conta própria até que o SSL seja finalmente implementado no site.

Comparação de alojamento WordPress 2021: O que mostram os nossos mais de 250 testes de velocidade de site?

Comparação de alojamento WprdPress: Segurança

Naturalmente, todos os fornecedores afirmam ser seguros. Mas a segurança do WordPress não se resume a lançar os últimos updates do sistema para o servidor. Isto deve ser uma questão natural nos dias de hoje. Trata-se de conhecer o próprio software por dentro e por fora e evitar a invasão de malware no WordPress. A seguir, são apresentadas aqui algumas características de segurança:

Segurança em instalações com 1 clique

O próprio WordPress garante agora que os/as utilizadores/as introduzam palavras-passe fortes. Isto é absolutamente necessário. Senhas muito simples são um buraco de segurança muito negligente. Mesmo que a área da password esteja protegida por bloqueio de IP, os atacantes podem invadir o site se as passwords forem muito muito simples.

Deves prestar atenção a estas duas coisas nas instalações de 1 clique dos fornecedores:

  1. A última versão do WordPress é sempre instalada automaticamente?
  2. É exigida uma password segura?

O ponto 2 reduziu significativamente a nossa taxa de malware quando notámos que os/as utilizadores/as utilizam frequentemente palavras-passe demasiado simples.

Segurança da área de login

A área de login do WordPress é basicamente sensível. Os atacantes sabem que podem tentar entrar através de "teu-domínio.com/wp-admin". Isto não é feito manualmente, mas através dos chamados ataques de força bruta, que automaticamente experimentam passwords diferentes.

Portanto, é importante que a área de login seja protegida por padrão. Na RAIDBOXES podes mesmo facilmente definir o número de tentativas de login com o "RB Login Protector". Isto evita que os atacantes experimentem passwords centenas de vezes. Em combinação com uma password forte, isto leva a quase cem por cento de segurança da área de login.

Segurança da interface XML-RPC

XML-RPC é uma interface que te permite controlar remotamente o teu site WordPress. Por isso, é frequentemente utilizado por hackers e bots como porta de entrada. Na RAIDBOXES esta interface é bloqueada por padrão. No entanto, também pode ser desbloqueada com um único clique. Em qualquer caso, a proteção da interface evita a invasão por esta via.

Ficheiro de configuração WP protegido

Se um hacker tiver acesso ao teu site, ele pode fazer um grande dano no ficheiro de configuração WP. Este fornece a configuração básica do teu site WordPress. Por isso, connosco, por defeito, este está protegido contra a escrita (apenas para leitura). Entradas adicionais ou alteração do prefixo da tabela podem ser feitas através do próprio painel de controle RAIDBOXES. Isto torna quase impossível para um atacante prejudicar completamente o teu site.

Atualização rápida ou automatizada de plugins

Outra vulnerabilidade de segurança são os plugins não atualizados. Idealmente, o fornecedor de alojamento atualiza os plugins automaticamente ou pelo menos oferece (como descrito na economia de tempo) a possibilidade de atualizar facilmente todos os plugins em dois minutos.

Sistema de backup

O sistema de backup é absolutamente central para qualquer esforço de segurança. O primeiro passo em relação ao malware é importar um backup. Aqui é importante teres backups que não só cubram os últimos três dias, mas na melhor das hipóteses os 30 dias anteriores.

Ajuda em caso de malware

Importante saber: Se todas as medidas acima forem utilizadas, isto equivale a um nível muito elevado de proteção para o teu site WordPress. Caso o site tenha detetado malware, é importante que ele seja removido profissionalmente. Mesmo ferramentas estabelecidas como Sucuri ou SiteLock às vezes atingem aqui os seus limites. O ideal é que o próprio host ofereça um serviço para eliminar o malware sem deixar qualquer resíduo.

Comparação de alojamento WordPress 2021: O que mostram os nossos mais de 250 testes de velocidade de site?

Comparação de alojamento WordPress: Suporte

Por último, mas não menos importante, damos uma olhada no suporte de alojamento WordPress. Também aqui descobrimos que, como utilizador, é muitas vezes difícil avaliar isto antecipadamente. Uma possibilidade é, naturalmente, leres as avaliações dos clientes com antecedência - por exemplo, em Trusted Shops. Tal como nas sub-áreas anteriores de alojamento, no entanto, o seguinte também se aplica aqui: o melhor é testares tu mesmo o suporte! Porque as necessidades e exigências do suporte ao cliente podem variar muito, dependendo da experiência ou do grupo de utlizadores. Como tal, recomendamos fornecedores que permitem testar gratuitamente o alojamento, incluindo todas as funcionalidades e suporte.

Tempos de reação inferiores a 10 minutos e elevada acessibilidade

Na verdade, o suporte ao cliente da RAIDBOXES é uma das principais razões pelas quais somos tão frequentemente recomendados. Internamente, definimos um tempo máximo de resposta de 10 minutos para um pedido de suporte. Este é o nosso padrão, que temos mantido desde o início, avaliamos constantemente através da nossa ferramenta de apoio (support tool) e fazemos sempre o acompanhamento. Não haverá "support tickets" volumosos com tempos de resposta longos, porque temos contado, de forma bem sucedida e desde o início, com o nosso suporte ao vivo (live support)!

durchschnittliche antwortzeit wordpress support

"Na nossa opinião, o suporte deve ser sempre acessível, direto e pessoal. Este tipo de suporte permite-nos perceber em primeira mão onde e como melhorar o nosso produto.

Conhecimento técnico no suporte

Em pelo menos 80% dos casos em que um site não está acessível, o problema não é o servidor, mas sim um plugin de WordPress. Aqui é fatal se os colaboradores e colaboradoras de suporte não têm experiência em WordPress, não conhecem as ferramentas apropriadas (como o WP Debug Modus) e no pior dos casos não podem nem mesmo desativar um plugin defeituoso. O resultado seria uma indisponibilidade do site durante vários dias, embora o servidor esteja sempre a funcionar.

Com hosts especializados em WordPress, podes ter certeza de que o WordPress está disponível e que um site pode ser visualizado no nível do código do WordPress.

O suporte tem o seu preço

Mesmo que uma empresa pague ao seu pessoal do suporte apenas o salário mínimo, o que não é necessariamente improvável, o custo total com todas as contribuições para a segurança social é de pelo menos 15 € por hora. Um desenvolvedor web com experiência em WordPress custa à empresa pelo menos 35 € por hora.

Com uma tarifa de WordPress de 3 € e um preço anual de 36 €, a pessoa de suporte mais barata pode, por isso, gastar no máximo duas horas por cliente, a pessoa de suporte mais cara no máximo uma hora por ano. Então, o lucro anual total desapareceria e os/as clientes não seriam rentáveis.

Aqui é absolutamente lógico que qualquer solicitação de cliente seja reduzida ao mínimo. Esta é uma das razões pelas quais chegamos à nossa recomendação de preço de 9 € (líquidos) por site. Preços abaixo disso, significa automaticamente que a qualidade do suporte e a qualidade do produto sofrem.

A nossa conclusão

Esperamos que não tenhas sentido esmagado/a com a nossa comparação de alojamento WordPress e que agora possas avaliar melhor o alojamento WordPress.

ALL-INKL, quando se trata de preço: Se queres realmente ir pelo preço e fazer muito por ti mesmo, nós recomendamos ALL-INKL Eles são o único fornecedor que mostra transparência num critério de desempenho importante, em vez de "falar muito". Isto em combinação com um bom suporte telefónico, deve ser recompensado.

Alojamento especializado quando a qualidade e o tempo são importantes

Espero que te possamos ter mostrado que os hosts especializados do WordPress (como, por exemplo, a RAIDBOXES) oferecem vantagens claras quando se trata de otimizar o desempenho, o tempo e a segurança. É claro que são mais caros do que os fornecedores padrão. Mas também te poupam muito tempo, que podes investir no teu negócio, em vez de o gastares na manutenção e gestão dos teus sites.

Artigos relacionados

Comentários sobre este artigo

Escreve um comentário

O teu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *.