Suporte WordPress: Perguntas mais frequentes sobre atualizações, backups, procura de fornecedores de serviços e muito mais

Michael Firnkes Última atualização 08.07.2021
10 min.
WordPress Support
Última atualização 08.07.2021

Qualquer pessoa que trabalhe na área de suporte do WordPress conhece as perguntas clássicas a nível mundial sobre CMS. Qual a melhor forma de implementar banners de cookies, backups simples, os tamanhos de imagem certos ou updates de plugins e temas? E como se encontra suporte numa emergência?

Descobre isso e muito mais na nossa entrevista com Jonas Tietgen. Com a sua comunidade WordPress WP Ninjas ele ajuda diariamente a tornar o WordPress e o WooCommerce ainda mais compreensíveis.

Jonas, a seguinte pergunta chega-te muito frequentemente: Como construir um banner de cookies no WordPress que funcione realmente? Quais são as tuas melhores dicas e plugins?

Existem muitos plugins e ferramentas para WordPress para incluir um banner de cookie ou opt-in que seja tão compatível quanto possível com o RGPD . E já trabalhei com quase todos eles. A minha primeira dica é que não se deve ter medo de investir algum dinheiro quando se trata deste tópico. Existem plugins gratuitos, mas a maioria deles ou carecem de funcionalidades importantes ou são tudo menos fáceis de usar.

Real Cookie Banner é, segundo a minha experiência, o melhor plugin de banner de cookies para WordPress atualmente. Utilizo-o nos meus sites e recomendo-a aos meus e minhas clientes. Provavelmente, a maior vantagem deste plugin é que vem com uma extensa biblioteca de modelos. Mais de 90 cookies e serviços são aqui integrados. Se se escolher um destes modelos, todas as informações técnicas e textos legais são automaticamente preenchidos.

Cookie Banner Consent Management WordPressress
O plugin Real Cookie Banner do WordPress

Além disso, há mais maneiras de cumprir os requisitos legais necessários com o "Real Cookie Banner" do que com qualquer outro plugin ou ferramenta que eu conheça. Se for necessária apoio na instalação do plugin, posso recomendar o meu guia. Existe também aí um cupão de desconto para a sua compra.

Uma boa alternativa é o Borlabs Cookie Plugin, que eu também utilizei durante algum tempo. No entanto, infelizmente não tem tantos modelos, o que pode tornar mais trabalhosa a sua instalação. Não importa como é criado o opt-in ou o banner do cookie: não subestimes o esforço e as competências necessárias para o fazer. É necessário saber e poder verificar que ligações externas são feitas e que cookies são definidos. Em caso de dúvida, o melhor é procurar apoio competente.

Banner de cookie: Deves considerar isto em termos legais

Existem numerosas regras sobre como deve ser concebido um banner de cookie a fim de evitar avisos ou advertências legais. Lê os nossos artigos sobre como integrar corretamente os banners de cookies e RGPD e privacidade eletrónica Opt-in com Borlabs Cookie.

Da mesma forma, muitos de vocês querem saber como é que no WordPress se cria um link para secções individuais dentro de uma página ou se publica, algo também chamado de menu de salto ou link de âncora . Qual é a tua solução aqui?

Diversas maneiras levam ao tal chamado "jumplink". Se for utilizado um construtor de páginas (por exemplo, Thrive Architect, Divi, Elementor etc.), normalmente não é necessário qualquer conhecimento de programação para implementar isto. No Thrive Architect, por exemplo, uma funcionalidade integrada permite selecionar com um clique aonde um link deve conduzir dentro da página.

Com os construtores de páginas, quando se edita um elemento ou secção, há sempre um campo para um "ID", "CSS ID" ou semelhante. Pode ser introduzido aqui algo arbritário, que designa esta secção. Vamos pegar numa secção com um formulário de contacto como exemplo e introduzir "contacto" neste campo. Posteriormente, pode ser estabelecido um link no local desejado, que remete para "#contacto". Este link conduzirá então ao local desejado.

Se não for utilizado um construtor de páginas e se se trabalhar com o Gutenberg ou o Classic Editor, isto pode ser implementado muito facilmente com um pouco de HTML. Para tal, a ID é definida via HTML. Ficamos com o exemplo de uma secção com um formulário de contacto e colocamos isto agora num elemento div com um ID atribuído:

<div id=”kontakt”></div>

Depois, o link que conduz a esta secção pode ser definido da forma habitual e remete ao "#contacto".

Criar e restaurar backups em segurança

Como é que se cria um backup de um site tão facilmente quanto possível? E acima de tudo: como é que o restauras de forma a poupar-te nervos?

Uma vez que as competências técnicas para descarregar manualmente todos os ficheiros e exportar a base de dados não estão naturalmente disponíveis para todos os/as que utilizam WordPress, recomendo um plugin para este fim. Na minha longa experiência, o UpdraftPlus plugin gratuito é realmente perfeito para isto. Uma vez configurado, cria automaticamente backups de todo o site num intervalo pré-definido, para que não tenhas de te preocupar de todo com isso.

E também a configuração é muito simples e rápida, porque têm apenas de ser feitas duas configurações. Se o pior acontecer, é possível restaurar o backup com UpdraftPlus com apenas alguns cliques. Pelo menos se ainda se puder entrar no backend do WordPress.

Se não se tiver acesso ao backend, ter-se-á de tratar da importação manualmente, ou seja, importar a base de dados manualmente e também carregar os ficheiros via FTP. Consoante o problema, a importação da base de dados pode ser suficiente.

Naturalmente, é ainda melhor e mais fácil se se alojar o site convosco. Os vossos backups diários são fiáveis e, acima de tudo, podem ser restaurados com um clique. Isto é, claro, muito conveniente em caso de emergência. Porque não importa se o backend do WordPress ainda está acessível ou não, o backup pode ser restaurado diretamente através da interface na RAIDBOXES.

Clone Backup WordPress
Clonar um novo projeto WordPress ou uma BOX a partir de um backup

Se uma pessoa alojar na RAIDBOXES, não é necessária, na minha opinião, outra solução de backup. É por isso que não tenho nenhum outro ativo no meu site e confio inteiramente em vocês.

Efetuar corretamente os backups

Um tema muito discutido no WordPress: o que ter em atenção ao atualizar plugins e temas?

O mais importante é o ponto que provavelmente é também o menos debatido: fazer updates prontamente! A minha recomendação é a de sempre cumprir a seguinte ordem de updates:

  1. Fazer backup
  2. Desativar o plugin de cache
  3. Atualizar plugins
  4. Atualizar temas
  5. Atualizar o WordPress

Na minha experiência, isto pode reduzir grandemente o risco de problemas. E se alguma coisa correr mal, existe à disposição um backup atualizado.

Os tamanhos de imagem certos

Alguns dos teus e tuas clientes querem saber em que tamanho ou em que dimensões de pixel se devem carregar as imagens no WordPress. O que é que se tem a considerar aqui?

Este é definitivamente um ponto que continua a surgir, por isso vou tentar resumi-lo o mais brevemente possível: Idealmente, as imagens devem ser carregadas nas dimensões de pixel em que serão utilizadas no site. Isto significa que antes do upload, elas devem ser cortadas e trabalhadas com um programa de edição de imagem.

O tamanho em que a imagem é exibida ou é especificado pelo tema utilizado ou é ajustado manualmente. O tamanho exibido de uma imagem pode ser visualizado em console de desenvolvedor. Se no WordPress não for utilizado nenhum plugin para a otimização da imagem como ShortPixel ou Smush, esta deve ser reduzida com tinypng antes de ser carregada. Aqui o tamanho do ficheiro é reduzido sem uma perda visível de qualidade.

Shortpixel WordPress Plugin
ShortPixel está disponível como um serviço online e como plugin do WordPress.

Se se quiser dar mais um passo e agir mais orientado para o futuro,pode-se produzir as imagens em formato WebP com a ajuda de um plugin como ShortPixel Optimizer. Isto irá reduzir ainda mais o tamanho do ficheiro. A utilização de ficheiros .svg é também uma boa opção para ficheiros de tamanho mais pequeno. No entanto, atualmente o WordPress não oferece suporte à integração destes ficheiros vetoriais.

Qual o plugin SEO para WordPress?

A questãoplugin SEO Yoast vs. RankMath é bastante discutida aqui na revista. Quais são as tuas recomendações de plugins para otimização de motores de busca?

A meu ver, RankMath leva vantagem. É melhor programado, oferece mais possibilidades (especialmente no que diz respeito a prémios de esquemas) e é, na minha opinião subjetiva, mais claro. Assim, é atualmente o plugin de SEO número 1 1 para mim, sendo capaz de influenciar os parâmetros de SEO usuais para os quais um plugin é necessário.

É também uma boa ideia incluir um índice para artigos mais longos. Para tal, posso recomendar o plugin gratuito de índice Easy Table of Contents, se o construtor de páginas utilizado e o tema não oferecerem uma possibilidade integrada de um índice. É claro que existem muitos mais plugins que apoiam a otimização para motores de busca. No entanto, a maior parte do trabalho é feita no próprio conteúdo.

Cada vez mais importante: marketing de conteúdo

SEO é apenas uma parte da tua estratégia, porque o conteúdo de qualidade continua a ganhar importância para o Google. Vê os nossos guias sobre Marketing de conteúdo, Testes de ideias de conteúdo, e Medir o sucesso do conteúdo.

A mencionar outra dica que é bastante desconhecida, então eu gostaria de mencionar o plugin LinkWhisper. Apoia uma medida SEO frequentemente subestimada: a construção de links internos.

O plugin do WordPress analisa todas as páginas e publicações para dar uma visão geral da frequência com que estão ligadas internamente e das ligações internas. Além disso, o plugin pode fazer sugestões onde podem ser estabelecidos mais links internos. Isto poupa muito tempo e fornece dados importantes. Prometo que ficarão muito surpreendidos com o quão pouco os links internos apontam para páginas e publicações importantes!

Alojamento WordPress Gerido

Recomendas aos teus e tuas clientes o nosso serviço de alojamento WordPress gerido. O que torna a RAIDBOXES tão eficiente para ti?

Para mim, um host é eficiente quando me poupa tempo. E isso está em primeiro plano com o vosso alojamento. O vosso foco no alojamento WordPress assegura-me, como utilizador, que muita coisa acontece automaticamente, o que, com otros hosts, significaria trabalho. Atualizações da versão PHP, a criação automática de backups, a simples percepção dos recursos do servidor utilizados, só para citar alguns exemplos.

Além disso, há funcionalidades que, com outros hosts, têm de ser adaptadas em instalações WordPress via plugin ou simplesmente não são possíveis. Adoro a funcionalidade de staging e já a utilizei para pequenos testes mas também para grandes redesigns, de forma super fácil e gratuita.

Também é útil poder desativar plugins e temas no backend da RAIDBOXES. Se algo correr mal e já não se conseguir iniciar a sessão, esta é uma óptima opção, especialmente para quem utiliza o WordPress e não está familiarizado/a com coisas técnicas como o FTP.

Ah, quase me esquecia, mas como todos sabemos, o melhor vem no final: Depois de ter trabalhado com 50 hosts diferentes, posso dizer com absoluta certeza que a vossa equipa não é apenas a mais simpática e rápida, mas também, de longe, a mais competente!

Tenho sido muito ajudado pelo vosso suporte em várias questões, o que me tem poupado muito tempo. A base da minha confiança é saber que não serei deixado sozinho no caso da algo acontecer. Já agora, cumprimentos e um grande agradecimento ao Jan, Tino, Neele, Johannes, Milva e a todos/as os/as outros/as que me poderei ter esquecido 😉

Encontrar suporte WordPress

Muitas empresas procuram suporte do WordPress. Mas infelizmente nem todos os fornecedores têm o verdadeiro know-how em WordPress. Como encontrar o fornecedor de serviços certo ou freelancer adequado?

Esta não é, na verdade, uma pergunta tão fácil de responder. Especialmente para encomendas ou projetos de maior envergadura, recomendo que se dedique algum tempo a selecionar o fornecedor de serviços. Eu procuraria ver se a agência ou pessoa escolhida tinha publicado vídeos ou artigos, porque aqui já se fica muitas vezes com uma boa impressão. O conteúdo é compreensível, sentimo-nos à vontade para ver o vídeo e sentimos que podemos confiar? Mas ainda assim, podemos encontrar aqui algumas ovelhas negras...

Em qualquer caso, deve realizar-se uma breve reunião, de preferência não apenas com áudio, mas também com vídeo. Desta forma, fica-se com uma melhor impressão de como será a colaboração em termos humanos. O método clássico, que é provavelmente o melhor, é a boa e velha palavra de boca. Se alguém fez um bom trabalho, ele ou ela será recomendado a outros/as. É claro que não se deve confiar cegamente no que outras pessoas dizem, mas é uma boa forma.

Pode-se obter recomendações em diferentes locais. Por exemplo, em grupos do Facebook, embora eu preferisse recomendar um grupo que não girasse em torno do WordPress. Normalmente uma pessoa está em pelo menos um grupo que lida com o tema ligago ao próprio negócio e pode-se lá perguntar. Outra possibilidade de recomendações qualitativas são os diretórios com curadoria.

A primeira coisa que me vem aqui à cabeça é o vosso diretório de parceiros. Porque quem trabalha convosco tem de trazer uma certa qualidade. Portanto, estou também muito feliz por estar representado no vosso diretório!

Os plugins mais importantes para WordPress

Escreveste um novo e-book "WordPress Toolkit" com os plugins mais importantes e ferramentas para WordPress. Como escolheste os plugins? E onde se obtém o e-book?

O WordPress Toolkit foi criado porque me perguntam muito frequentemente na minha área de membros, que plugins, fornecedores e ferramentas utilizo e posso recomendar. Quero, por isso, ajudar a encontrar os plugins adequados nesta imensidão de plugins do WordPress. E, ao mesmo tempo, poupar às pessoas tempo no longo processo de pesquisa, tentativa e erro.

A minha selecção é baseada nos meus muitos anos de experiência. Mais especificamente, baseia-se nos seguintes parâmetros:

  • Usabilidade: O plugin deve ser fácil de compreender e de operar.
  • Suporte: O suporte deve ser competente e contactável
  • Relação preço-desempenho: Uma boa relação preço-desempenho também é importante.
  • Desenvolvimento contínuo

O plugin também precisa de ser atualizado regularmente. Estas coisas são muito importantes para mim. E penso que também para todos/as que utilizam o WordPress. O WordPress Toolkit pode ser encontrado no meu site. Dou-o de presente a todos os/as assinantes da minha newsletter. Mas como nem todos/as querem subscrever a newsletter, é possível, em alternativa, comprá-lo por 9 € líquidos.

WP Ninjas WordPress Community
WP Ninjas: Comunidade e suporte WordPress

Algumas palavras sobre ti e WP Ninjas?

Adoraria! Eu fundei WP Ninjas em 2016 para ajudar trabalhadores/as independentes a editarem, manterem e otimizarem autonomamente os seus sites WordPress. Assim, a minha abordagem é principalmente ajudar os/as autocriadores/as a ajudarem-se a si próprios/as, a fim de oferecer uma alternativa às agências caras, que muitos lobos solitários, em particular, não podem pagar.

Para isso, há mais de 100 tutoriais no meu blogue sobre como trabalhar com WordPress e otimizar o próprio website. Entretanto, o coração do WP Ninjas é o WP Ninjas Dojo. Esta é a minha área de membros, onde estou sempre disponível num fórum exclusivo com conselhos, respostas e dicas. Todos os meses há um webinar ao vivo, dois trabalhos conjuntos e muito mais.

A comunidade que entretanto se formou aqui também se apoia mutuamente. Troca ideias e - apesar do trabalho por vezes cansativo com o WordPress - diverte-se acima de tudo. Eu próprio gosto de preencher o meu tempo longe do WP Ninjas com desporto, viagens de mota, passeios e WordPress.

As tuas perguntas sobre o suporte WordPress

Que perguntas tens para o Jonas? Aguardamos o teu comentário. Interessas-te por WordPress e WooCommerce? Então segue a RAIDBOXES no Twitter, Facebook, LinkedIn ou através da nossa newsletter.

O Michael é responsável pelas áreas de conteúdo e saúde mental na RAIDBOXES. Desde 2007 que ele é bastante ativo nas comunidades de bloggers e WordPress. Entre outras coisas, como co-organizador de eventos WordPress, autor de livros e formador de blogues corporativos. Ele gosta muito de escrever em blogues, tanto a nível profissional como pessoal. O Michael trabalha e escreve remotamente a partir da ensolarada cidade de Friburgo.

Artigos relacionados

Comentários sobre este artigo

Escreve um comentário

O teu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *.